Preguiça: o motor de todos os progressos

Duas citações, a propósito do post anterior:

A preguiça é a mãe do progresso.  Se o homem não tivesse preguiça de caminhar, não teria inventado a roda. Mário Quintana

The present generation, wearied by its chimerical efforts, relapses into complete indolence.  Its condition is that of a man who has only fallen asleep towards morning: first of all come great dreams, then a feeling of laziness, and finally a witty or clever excuse for remaining in bed.  Søren Kierkegaard

[.]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s