Obras da ciclovia da UnB

Quase não acreditei quando minha irmã disse: “Estão construindo uma ciclovia na 411 Norte”.

Fui conferir e de fato está lá! Duvidando que fossem obras das ciclovias da Asa Norte, pedalei mais um pouco e vi que era uma extensão da ciclovia da UnB, cujo início foi anunciado há poucos dias. E está saindo do papel mesmo! Veja fotos:

obras da ciclovia na UnB

A ciclovia margeia a L3 norte, desde a L2.

obras da ciclovia na UnB

Fase de terraplanagem.

obras da ciclovia na UnB

Passa pela invasão que fica próxima aos fundos da Escola de Língua Japonesa.

obras da ciclovia na UnB

Preservando as árvores!

Depois vai cruzar a L3 para seguir pelo lado da Colina.

Acima, dá pra ver linha de marcadores (clique na foto pra ver em tamanho grande). E na imagem abaixo, a seta roxa ao fundo mostra a ciclovia já terraplanada. E no primeiro plano, as estacas de marcação da ciclovia, que se estendem desde este ponto até o Posto Policial. Claro, não esqueça de notar a placa “Proteja a vida”, do tempo que a Rodas da Paz rasgava caminhos e ciclovias no DF eram só sonho – (viu só? valeu, Beth Veloso e Leandro Salim!).

obras da ciclovia na UnB

Voltando ao início, na 411 Norte tratores também já rasgaram o gramado.
Este é o único ponto negativo. Não precisava destruir área verde! Bastava fazer calçada compartilhada, que passa bem ali ao lado, e tem baixo fluxo de pedestres. Podem alegar que o impacto é pouco, mas qualquer capeamento asfáltico contribui para alterar o microclima. Além de ser um desperdício de dinheiro público: mesmo em obras, é preciso fazer valer os 3R e poderia ser dado um reuso às calçadas…

E antes que alguém dê ideia do “criativo” e inevitável nome JK, que tal Ciclovia Saulo Jansen?? Ele foi injustamente morto a poucos metros de onde a ciclova está começando. Acho que seria uma homenagem justa.

[.]

3 comentários sobre “Obras da ciclovia da UnB

  1. hehehehe, vi essa noticia hoje no correio braziliense, la tinha o mapa da ciclovias em obra, não acreditei fui procurar no google e cai aqui, isso deve ser um sonho mesmo… tomara que façam algo descente, algo que possa servir de exemplo de mobilidade urbana e não uma ciclovia de “passeio” onde o ciclista inúmeras vezes tem ainda que se arriscar em cruzamentos.

  2. Tão construindo também um trecho de ciclovia paralelo a L2 Sul. Na 416 e 415 sul, as obras já estão avançadas. Tão construído no “ritmo de Brasília” na época da construção.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s